Teste a Echo Dot por 30 dias.

Te convido a pensar em um filme futurista, um daqueles que a personagem acorda em seu apartamento. O despertador toca e ao invés de um barulho irritante, as persianas se abrem suave e silenciosamente. Um raio de sol aumenta gradativamente mesmo apesar da chuva torrencial que acontece lá fora uma agradável onda calor invade o quarto. O cheiro do café coado chega ate o quarto (sim, eu sou futurista, mas sou cringe) e isso tudo sem que o individuo tenha feito absolutamente nada além de acordar.

E tudo isso feito com automação residencial.

Desde criança sempre fui um entusiasta da tecnologia, a ficção cientifica sempre foi algo que me encantou, imagine, carros voadores que se pilotam sozinhos, comida aparecendo com apenas alguns cliques em botões, telefones celulares, ligações de video na sua mesa. Sim, amava assistir ao desenho d’Os Jetsons

 

E hoje em dia a cada inovação que aparece eu fico numa mistura de felicidade e tristeza, pois sei que há ainda muito mais por vir e que eu já estou ficando velho e “irrelevante” para aproveitar de cada uma dessas novidades.

De qualquer forma, todos nós os seres humanos temos uma data de validade não é mesmo? E cabe a cada um de nós nos adaptarmos da melhor forma possível ao meio ambiente em que vivemos.

Lá no final de 2019 eu comprei uma Alexa pra minha casa, com a promessa de ser um assistente digital com comando de voz (depois de, pelo menos pra mim, o frustrado comando de voz do “ok google”)

E a premissa era simples, vc fala, “Alexa” seguido por ações que podem ser feitas como marcar o tempo, criar uma lista de compras, tocar uma musica especifica ou até mesmo contar uma piada  e ela simplesmente o faz.

Parece bobo não é mesmo? Pode até ser um “luxo” de comodidade, mas é uma mágica linda de se ver acontecer.

Além disso, com toda essa situação da internet das coisas IoT, as redes 5G e todos os smart devices que ficam cada vez mais reais no nosso dia a dia, pensar em uma rotina de automação dentro de casa é algo que me deixa extremamente animado.

Voltando ao exemplo do inicio deste texto, isso tudo é possível ainda hoje, com a criação de rotinas em um aparelho como a Alexa, tomadas e lâmpadas inteligentes .

Mas isso tudo é tão surreal, que fica até difícil de se imaginar vivendo numa situação dessas.

Acho que por isso, por existir esta resistência tão grande, não por maldade, mas por ser inconcebível as facilidades que se pode ter com uma Alexa, que a Amazon esta disponibilizando uma Alexa por 30 dias para você testar, e se não gostar, eles devolvem o seu dinheiro.

Vale a pena experimentar, nem que seja pra dizer “mas que baboseira é essa coisa”.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *